[De Volta ao Ponto] 4 Passos Comprovados Para Realinhar Sobre o Produto Certo

Workshop De Volta ao Ponto, realinhando as pessoas para construir o produto certo

 

Esse é um workshop para realinhar a estratégia do Squad em relação ao MVP, tipicamente realizado três meses depois da Lean Inception.

Nesse workshop verificamos OKR, MVP, histórias do usuário e funcionalidades. E realinharmos o Squad em relação a construção do produto certo.

Eu já realizei esse workshop mais de dez vezes. Todas com agenda e duração similar. Dado o excelente feedback, registro e compartilho neste post.

O gerente de produto  Lucas Medina apelidou esse workshop de “De volta ao ponto”, nome que faz referência ao Direto ao Ponto, nome do primeiro livro que descreveu o conceito de Lean inception.

Está realizando uma Lean Inception? Então fica a dica: Reserve uma sala e bloqueie dois dias na agenda do Squad para três meses depois da Lean Inception. Se puder, já coloca até o nome do evento: De volta ao ponto, realinhando as pessoas para construir o produto certo.

Segue o passo a passo e fotos do último workshop.

 

I. Descreva todas Funcionalidades

Para descrever as funcionalidades, eu sugiro que o squad faça 3 coisas: (1) reflita sobre os OKRs, (2) verifique o sequenciador da Lean Inception, e (3) analise o backlog de User Stories. Abaixo uma foto do workshop, neste caso o squad se dividiu em três grupos onde cada grupo atacou uma dessas frentes.

Reflita sobre os OKRs

Faço uma atividade de OKR — Objetivos e Key Results— do squad. A partir dos OKRs, identifique novas funcionalidades. A imagem abaixo demonstra esse passo.

Verifique o Sequenciador da Lean Inception

Verifique o Sequenciador da Lean Inception. Analise as funcionalidades identificadas na época da Lean Inception (provavelmente a 3 meses atrás). Reescreve se necessário; descarte o que não faz mais sentido. A imagem abaixo demonstra algumas pessoas do squad nesse passo.

Analise o backlog de User Stories

Agrupe as User Stories (US) de uma mesma Funcionalidade. Abra o backlog com as User Stories do squad. Provavelmente as US estão descritas num nível mais detalhado do que Funcionalidades. Agrupe as US por Funcionalidade de forma que auxilie o squad a entender o que deve ser feito, em qual ordem e prioridade.  A imagem abaixo demonstra algumas pessoas do squad nesse passo (o backlog aberto num laptop, tags criadas para representar Funcionalidades que são também descritas nos cartões coloridos).

 

II – Faça a Revisão Técnica, de UX e de Negócio das funcionalidades

Você pode fazer isso enquanto as funcionalidades são escritas (atividade de OKR, Sequenciador, Revisão do backlog de US) ou depos delas serem escritas, todas juntas. Passando pelo gráfico e tabela apresentados abaixo, cada funcionalidade recebe uma cor (verde, amarelo ou vermelho identificando o nível de incerteza) e marcações de esforço, valor para o usuário e valor de negócio, da mesma forma que realizado na Lean Inception.

 

III.  Crie um novo Sequenciador

Crie um template do Sequenciador de Funcionalidades, relembre os participantes das regras do sequenciador, e refaça-o.

Segue imagem do squad elaborando o novo sequenciador.

IV. Crie o canvas MVP

Da mesma forma que acontece na Lean Inception, identifique os MVPs no sequenciador,  e crie o Canvas MVP para o próximo MVP.

Na imagem abaixo, o PO com o Canvas MVP em mãos conversando sobre o mesmo com algumas pessoas do squad.

 

É isso. Canvas MVP em mãos. Segue o jogo!

 

E deixo aqui uma reflexão final:

Planos, alinhamentos e realinhamentos são importante, mas o feedback de uso é mais. Alinhe e realinhe, porém sempre olhando para os dados de uso, ouvindo e melhorando a vida das pessoas.