Pergunta:

Tenho um projeto para evoluir um produto já existente, com uma lista de novas funcionalidades e alguns ajustes em funcionalidades existentes.

Acredito que posso usar boa parte das práticas que tu apresentou na Lean Inception pois além da construção do produto, o time “incorpora” a visão e entendimento das alterações necessárias.

Tens alguma dica ou ponto de atenção para este caso?

 

Resposta:

Já me deparei com tal situação sim.

Eu mantive a lista já existente de funcionalidades de evolução do produto em mãos (literalmente, imprimi algumas cópias e deixei ao alcance das mãos na sala de guerra).

A lista ficou na mesa enquanto seguia a sequencia de atividades da Lean Inception.

No momento de verificar as funcionalidades nas Jornadas, a lista foi usada para  verificar se faltava algo.

Das vezes que apliquei tal sequencia, obtive dois resultados distintos:

1. o resultado final foi próximo ao que o PO imaginava. O PO ficou satisfeito pois agora todos estavam alinhados no entendimento (visão do produto, personas, jornadas, nível de incerteza, valor pro negócio e esforço) e na sequencia de evolução do produto acordada por todos.

2. o resultado final ficou diferente ao que o PO imaginava. Teve bastante realinhamento sobre como o produto ia evoluir. Features não se encaixavam em jornadas. Jornadas (ou tentativa) de jornadas extras foram criadas. Houve bastante discussão sobre o alinhamento dessas jornadas com as principais personas e seus objetivos. Stakeholders ficaram satisfeitos por ter tal situação esclarecida antes de dar continuidade a evolução do produto.